A Análise do dimensionamento das fundações de uma residência utilizando sapatas isoladas e estacas escavadas

Autores/as

Palabras clave:

Fundações, Dimensionamento, Estacas, Sapatas

Resumen

As fundações encontram-se presentes em praticamente todas as obras de engenharia. Para que o projeto de fundações
seja realizado um dos aspectos necessários a considerar é o conhecimento do perfil geotécnico do local da obra. A
interação que o solo possui com a estrutura (ISE), pode ser simulada através das suas características e carregamentos ao
qual está submetido. Esta análise, que pode ser obtida também por simulação em software, possibilita prever o
comportamento das fundações. Foi realizado um estudo para uma edificação residencial de dois pavimentos, na cidade
de Santo Ângelo – RS, o solo do presente local é classificado como argiloso. Para o dimensionamento das sapatas e
estacas escavadas foi utilizado o ensaio Standard Penetration Test (SPT) e ensaios laboratoriais de análise de solo. As
estacas escavadas foram dimensionadas pelo Método de Aoki Velloso e as sapatas isoladas através do software TQS. Os
resultados apresentaram que os dois tipos de fundações são viáveis. Porém, as sapatas requerem uma rigidez maior devido
a sua classificação pertencer às fundações superficiais. Nesse aspecto as fundações profundas se sobressaem pois
possibilitam a rigidez da estrutura que as fundações superficiais não dispõem, e também, pela a sua execução ser mais
simples rápida.

Citas

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6118: Projeto de estruturas de concreto. Rio de Janeiro, 2010.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6122: Projeto e execução de fundações. Rio de Janeiro, 2010.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6484: Solo - Sondagens de simples reconhecimento com SPT - Método de ensaio. Rio de Janeiro: 2001.

BERBERIAN, Dickran. Engenharia de fundações: passo-a-passo. 2. ed. Brasília: Infrasolo, 2015.

CRAIG, R. F. Mecânica dos Solos. 8ª Ed., Rio de Janeiro: LTC, 2014.

TQS Informática LTDA (2018). Programa computacional CAD/TQS. São Paulo.

VELLOSO, Dirceu de A.; LOPES, Francisco De R.. Fundações. 2. ed. São Paulo: Oficina de Textos, 2011.

Descargas

Publicado

2021-09-04